O amor romântico e muito mais

22 Jul

Contrariando a tendência actual para a atonalidade e indiferenciação, uma conferência da antropóloga Helen Fisher, uma voz séria, interessante e útil na reflexão sobre esta questão, ilustrando os temas dos livros “Porque Amamos: A natureza e a química do amor romântico”, “O Primeiro Sexo” sobre o papel da mulher, e do recentíssimo “Why Him? Why Her”, ainda não editado no nosso país.

Quem acha que, como diz Helen Fisher, “um mundo sem amor, é um lugar morto” mas também concorda que “não fomos desenhados para sermos felizes”, pode encontrar análises de rara qualidade em “A Paixão Perigosa”, um trabalho sobre o ciúme da autoria de outro antropólogo, David Buss, “Coisas do Amor” do filósofo Umberto Galimberti e o eternamente actual “Fragmentos do Discurso Amoroso” de Roland Barthes.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: